Arquivo

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Lispector

Foi uma escritora brasileira, nascida na Ucrânia. Autora de linha introspectiva, buscava exprimir, através de seus textos, as agruras e antinomias do ser. Suas obras caracterizam-se pela exacerbação do momento interior e intensa ruptura com o enredo factual, a ponto de a própria subjetividade entrar em crise.
Uma das minhas maiores inspirações. Sua meneira de enxergar o mundo, seus escritos que sinceramente são os que mais tocam. Suas obras incorporando solidão, a falta de comunicação humana, amor...Sendo um grande mistério para si mesma.
Uma mulher que vivia para escrever, sofreu uma repercussão com o público que a criticavam pelo seu estilo diferente de tudo o que se fizera até então. Ousada, e uma das maiores vozes da literatura brasileira.


"Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso. Nunca se sabe qual é o defeito que sustenta nosso edifício inteiro."
-
"Minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite."
-
"Enquanto eu tiver perguntas e não houver respostas... continuarei a escrever"
-
"Não quero ter a terrível limitação de quem vive apenas do que é passível de fazer sentido. Eu não: quero uma verdade inventada."
(Realidade Inventada)

Um comentário: